Home / Campestre do Maranhão / Polícia Militar (12º BPM) prende suspeitos de latrocínio ocorrido em Porto Franco no mês de setembro de 2022

Polícia Militar (12º BPM) prende suspeitos de latrocínio ocorrido em Porto Franco no mês de setembro de 2022

Arma de fogo utilizada no crime foi apreendida durante Operação Saturação realizada pelo 12º BPM

Arma de fogo apreendida durante Operação Saturação utilizada no latrocínio ocorrido em Porto Franco – MA. (Foto: reprodução)

Na tarde desta terça-feira (22), dando continuidade a Operação Saturação, a qual está em andamento em toda área do 12º Batalhão de Polícia Militar do Maranhão. A Guarnição da Rádio Patrulha de Ribamar Fiquene – MA, abordou dois homens em uma motocicleta, os quais tentaram fuga, mas foram alcançados pelos PMs e abordados.

O menor de 16 anos foi reconhecido pelos policiais militares, devido ter circulado nas redes sociais, uma foto dele exibindo um Revólver calibre .38. Questionado sobre onde estaria a arma de fogo, ele contou que a arma estaria com um homem de 35 anos residente na cidade de Campestre do Maranhão.

Ao chegarem na cidade de Campestre, localizaram a casa do suposto dono da arma, o qual contou, que recebeu o revólver do menor e a escondeu na casa de sua mãe. Ao chegar no local, a arma de fogo foi entregue pela esposa do conduzido.

De acordo com as investigações, os projéteis encontrados no local do latrocínio ocorrido na cidade de Porto Franco – MA no dia 13 de setembro de 2022, que vitimou o senhor Raimundo Nonato Barbosa Marinho, 58 anos, são do revólver calibre .38 apreendido na ocorrência.

Na finalização da ocorrência, foram apreendidas 36 gramas de maconha, um Revólver calibre .38, uma mulher de 31 anos, dois homens e um menor de idade conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil para prestarem esclarecimentos por porte ilegal de arma de fogo.

Relembre o caso

Na manhã do dia 13 de setembro de 2022, dois homens chegaram na fábrica de reciclagem do senhor Raimundo Nonato Barbosa Marinho, se passando por vendedores de materiais recicláveis e ofereceram uma certa quantidade de latinhas de alumínio para serem compradas pela filha da vítima.

Ao receberem o pagamento, com uma arma de fogo anunciaram o roubo. A filha da vítima ao pedir socorro, seu pai saiu do interior da fábrica e entrou em luta corporal com um dos assaltantes, o qual efetuou vários disparos contra o senhor Raimundo, o qual foi a óbito no local.

Após o homicídio, os suspeitos fugiram do local e não foram localizados. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil e agora pode chegar aos culpados pelo crime.

About Comunicação Social do 12ºBPM

Check Also

Polícia Militar desmonta quadrilha que vendia entorpecentes em barraco construído as margens de ferrovia no município de Campestre do Maranhão

Na ação policial duas armas de fogo de fabricação caseira foram apreendidas Na madrugada desta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *